Pesquisar nesse blog

quinta-feira, 29 de julho de 2010

Paz no mundo



A paz do mundo começa em mim, se eu tenho amor com certeza sou feliz.
Se eu faço o bem ao meu irmão, tenho a grandeza dentro do meu coração.
Chegou a hora da gente construir a paz, ninguém suporta mais o desamor.

Paz pela paz - pelas crianças - Paz pela paz - pelas florestas
Paz pela paz - pela coragem de mudar.
Paz pela paz - pela justiça - Paz pela paz - a liberdade
Paz pela paz - pela beleza de te amar.

Paz pela paz - pro mundo novo - Paz pela paz - a esperança
Paz pela paz - pela coragem de mudar.
Paz pela paz - pela justiça - Paz pela paz - a liberdade
Paz pela paz - pela beleza de te amar.

(Composição de Nando Cordel)

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Sempre poderás recomeçar



Não importa onde você parou,
sempre poderás recomeçar...

A vida algumas vezes parece uma arena esportiva, precisamos de disciplina, disciplina de um atleta, do vigor de um esportista, mas na vida nem sempre encontramos regras justas: perdemos nossas posses, nossas coisas preciosas.

Na vida os conflitos se agigantam, as diferenças nos dividem, nos separam. Nossa motivação se escoa, a vontade se vai, e nos sentimos desanimados. As dúvidas dançam em nossas mentes. Como recobrar a motivação? Como conquistar os nossos alvos? Como trocar as lágrimas pelo riso, quando tudo se vai?

Deus e a vida que Ele nos deu, ainda estão conosco; as escolhas ainda estão diante de nós. Desistir ou continuar é uma dessas escolhas: posso recomeçar, posso reconstruir, posso fazer de novo. Minha maior motivação não perece, não vacila, não apaga. Minha maior motivação é a glória Daquele que me fez; e por causa Dele, posso recomeçar!...

Lembre-se de viver



Não deixe que muito trabalho tampe a vista da sua janela para a vida.
Não basta existir, é preciso viver e viver é muito mais que existir. Viver é aprender e, para ser aprendiz é preciso humildade para reconhecer a própria ignorância. Viver é educar-se para o amor e, amando e amado, experimentar a iluminação sem sentir-se luz, vivenciando as venturas de sentir-se completo.
Viver é movimento e não há movimento sem esforço e atrito. A vida é dinâmica, jamais se estanca, vibra serena sem pressa embora nunca pare para esperar quem ignore seu ritmo. Para existir basta estar. Para viver, é preciso ser por inteiro. E para viver, ainda que existindo, é preciso ser e estar, num ser único. Viver é acreditar-se imortal e eterno mesmo sabendo que nada é permanente. Viver é progredir, ir adiante e avançar.

Viver é existir de todas as formas e em todas dimensões, amando cada uma delas. Para viver não basta ver, ouvir, pensar e falar pois essas são manifestações da existência. Para viver é preciso sentir, mergulhar em si e novamente observar-se sem paixão. Viver é iluminar-se e, sob a luz da própria consciência, apontar os próprios defeitos e limites.

Viver é assumir responsabilidade pelos próprios atos transformando-os em gestos de amor e compaixão. Viver é conhecer-se profundamente e, ciente de si evitar enganar-se trabalhando para mudar aquilo que não está bem. Viver é reconhecer no universo o próprio lar, nas humanidades cósmicas a própria família, na criação infinita o próprio berço e na natureza a própria saúde e sustento. Não há vida sem troca, não há troca sem perdas, não há perdas sem ganhos, não há ganhos sem desafios, não há desafios sem dor, não há dor sem razão e não há razão fora da vida.

Viver é muito mais que existir, mas ninguém aprende a viver plenamente sem existir de muitas maneiras. Viver é transcender o que se pensa saber da vida, para assimilar-lhe a verdadeira sabedoria. Viver é arriscar-se e o maior risco é errar e errar é a certeza de que mais se pode aprender. Para existir basta ter sangue nas veias e ar nos pulmões, para viver é preciso sangrar e sufocar-se de tanto amor.

Na existência há apenas meias verdades e grandes mentiras, a vida conduz ao coração da única verdade absoluta. Quem vive canta por dentro, a despeito do silêncio exterior. Quem vive, existe em todos os lugares, sem pertencer a nenhum. Quem vive, busca em si mesmo o que deseja para o seu caminho, e quando encontra volta a buscar.

Quem vive não vê morte, apenas transformação. Viver é ir mais, mudar sempre, virar-se e revirar-se, buscar o próprio avesso, sem saber onde fica o direito. Viver é enxergar a luz mesmo nas sombras e criar luz nas próprias trevas. Viver é expandir a própria existência para além dos limites imaginados. Viver é doar-se sem pedir. É ceder sem resistir. É entregar-se sem recear. Quem vive renasce em novo ser a cada novo dia.  
Quem vive tem a própria existência traçada a lápis e recria o próprio destino, minuto a minuto, quando se corrige com sabedoria e perdão. Quem vive não sabe o caminho e nem quando chegará, mas sabe para onde está indo. Viver é ter na própria consciência uma única história, representada por milhares de faces e nomes, episódios de milhares de existências. Viver é manifestar-se sem tempo ou espaço. É ser fogo sempre ardendo sem se queimar. É verbo que não se conjuga, apenas se pratica. É palavra que não se define, apenas se diz. É conceito que não se explica, apenas se vive. Viver é estar no todo, sendo tudo, sem nunca esgotar-se.

Lembre-se de viver. Crie filhos em vez de herdeiros. Dinheiro só chama dinheiro, não chama para um cineminha, nem para tomar sorvete. Não deixe que muito trabalho tampe a vista da sua janela para a vida. Trabalhe, trabalhe, trabalhe, mas não esqueça, virgulas significam pausas. Não é justo fazer declarações ao Fisco e nenhuma declaração para quem você ama. Para cada almoço de negócios, faça um jantar à luz de velas. As semanas demoram muito, mas os anos passam bem rapidinho. Após muitas reuniões de negócios, reúna-se com os amigos.

Busque elevação e prestígio na carreira e na profissão mas também promova-se como o melhor amigo, a melhor amiga, o melhor pai, a melhor mãe, o melhor filho, a melhor filha, o melhor namorado, a melhor namorada, o melhor marido, a melhor esposa, o melhor irmão, a melhor irmã. Você pode fazer uma festa sem dinheiro, mas não sem amigos. Para viver não basta existir, pois existir é pouco para uma criatura que nasceu para ser Deus!

domingo, 11 de julho de 2010

Aprendendo todo dia



Existe uma certeza que se renova a cada manhã:
vamos aprender muitas coisas...

De uma forma positiva, aprendi que não importa o que aconteça ou tanto ruim pareça o dia de hoje, a vida continua e amanhã será melhor. Aprendi que se pode conhecer bem uma pessoa, pela forma como ela lida com três coisas: um dia chuvoso, uma bagagem perdida e os fios das luzes de uma árvore de Natal que se embaraçaram.

Aprendi que, não importa o tipo de relacionamento que se tenha com seus pais, você sentirá falta deles quando partirem. Aprendi que "saber ganhar" a vida não é a mesma coisa que "saber viver". Aprendi que a vida, às vezes, nos dá uma segunda chance.

Aprendi que viver não é só receber, é também dar. Aprendi que procurar a felicidade, é iludir à toa. Mas se eu focalizar a atenção nos amigos, nas necessidades dos outros, no trabalho e procurar fazer o melhor, a felicidade vai me encontrar.

Aprendi que diariamente preciso alcançar e tocar alguém. As pessoas gostam de um toque humano, de segurar na mão, de receber um abraço afetuoso ou simplesmente de um tapinha amigável nas costas. Aprendi que sempre que decido algo com o coração aberto, geralmente acerto. Aprendi que ainda tenho muito o que aprender...



Aprenda a dizer "não"





Algumas pessoas têm dificuldade em dizer "não", talvez por receio de parecerem egoístas ou de serem rejeitadas. E seguem pela vida deixando-se sobrecarregar, por se sentirem incapazes de dar um bom motivo para sua recusa. No entanto, aprender a dizer "não" é essencial para o nosso bem estar.

Muitas vezes, ao dizer "não" para alguém estamos dizendo “sim” para nós mesmos e, dessa forma evitando um estresse emocional em nossas vidas. Ser uma pessoa prestativa e disponível para fazer um favor a alguém é algo inteiramente diferente do que se deixar explorar. O “Sim” e o “Não” são conceitos interligados e permanentes em nossa vida. Um depende do outro, um ajuda ou prejudica e, por sua vez, ambos estão relacionados com os temas negociação e administração do tempo.

Todos nós desejamos ser queridos e apreciados e não queremos parecer ineficientes. Em muitas situações há quem prefira dizer “sim” apenas pelo medo de que, se não fizer o que é pedido, deixará de ser amado. Entretanto, um firme mas delicado "não" logo de início permitirá que a outra pessoa encontre outra alternativa e evitará constrangimentos e estresse de ambas as partes.

Há pessoas que sabem ser excessivamente insistentes. Mas ao invés de sucumbir à pressão do outro, ao dizer-lhe um "não" podemos contribuir para que a pessoa tome consciência da dimensão de suas exigências e perceba o tempo e o esforço que seu pedido exige. Só assim a outra pessoa aprenderá a respeitar as prioridades alheias.

E por que é tão difícil dizer não?

Uma das principais razões, talvez até a mais importante, é a baixa autoestima. Muitos de nós fomos educados na convicção de que a modéstia é uma virtude. No entanto, temos o direito de orgulharmos de nossas realizações, o que conseguimos e pela pessoa que nos tornamos. Quando adquirimos o hábito de recordar de nossos êxitos, mais estaremos fortalecidos diante de quem quiser menosprezar-nos.

Faça uma lista das coisas que você fez e das quais se orgulha. Todos temos alguns talentos e capacidades, nem que seja saber fazer um bolo delicioso ou ter aprendido a andar de bicicleta. A ideia da lista não é despertar sua vaidade, mas melhorar a opinião que tem a seu próprio respeito. Quando nossa autoconfiança está devidamente alimentada, a probabilidade de nos depararmos com qualquer situação e nos sentirmos confortáveis e seguros para dizer um firme "não", é muito maior.

Outro motivo é a culpa, que é uma das mais destrutivas emoções. Sofremos de culpa tanto pelo que fazemos quanto pelo que deixamos de fazer. A sensação é desagradável e, talvez por isso, quando nos pedem algo que não queremos fazer, hesitamos em recusar com medo de depois nos sentirmos culpados. Mas é partir daí que podemos descobrir e analisar o que nos fazem sentir culpa.

Claro que cometemos erros no passado. Qualquer um de nós pode olhar para trás e lembrar de algo que não gostaria de ter feito e palavras que não gostaria de ter dito. Mas só se deve relembrar os erros do passado se servirem como aprendizado. Olhar para trás para reviver as angústias e continuar a sentir culpa não vale a pena. As experiências devem servir apenas entendermos o mecanismo da culpa e assim não nos sentirmos pressionados.

Tenha certeza de uma coisa: se você concorda com tudo e com todos pela necessidade de obter amor e apreciação, nem todos irão te amar e apreciar você, mesmo que você seja a pessoa mais perfeita do mundo. É tarefa fadada ao fracasso. Se você não se gosta, não se valoriza e faz tudo que lhe pedem, logo as pessoas irão perceber o seu desesperado anseio de amor e apreciação. E cada vez mais irão tirar proveito disso. Dizer "não" é um direito e cria certeza nas relações. O outro pode até não gostar, mas te respeitará porque o "não" tal como o "sim" é parte da vida.

Quer aprender a dizer "não"?

* Pergunte-se se o pedido é razoável, se quer aceitá-lo ou recusá-lo. Se tiver dificuldade em decidir  é porque, provavelmente, quer recusá-lo. 
* Se achar que precisa de mais pormenores, peça-os. 
* Se chegar à conclusão de que não deseja atender, diga "não".
* Não se desculpe. Se começar por dizer "lamento muito, mas..." estará dando margem a que a outra pessoa tente manipular você e jogar com seus sentimentos de culpa.
* Seja breve, dê uma explicação e abstenha-se de uma série de justificativas.

Há muitas maneiras de não concordar, mas a única que permite fazê-lo sem perder o amor-próprio é usar de objetividade. Arranjar desculpas, que com frequência são mentiras, para evitar fazer uma coisa que prefere não fazer não é a melhor solução. Uma mentira mal formulada pode causar mal estar e resultar em mal entendido. Dizer "não" no momento certo é respeitar a si e aos outros. Além disso, permite ter pleno conhecimento de seus limites e de suas capacidades. Pode ser difícil, mas muitas vezes necessário. Isso é algo que se aprende com a experimentação e pode ser o início de uma grande viagem de auto-descoberta.




terça-feira, 6 de julho de 2010

AS IMPOSSIBILIDADES DO AMOR



O que torna bonito os amores impossíveis, é justamente a impossibilidade que atrai. A dificuldade impulsiona, motiva, tem gosto de perigo. As pessoas gostam de se medir às dificuldades para provar sua força em vencer o desafio. Assim, quanto mais difícil, mais o amor parece ser grande, excepcional e único; e todos querem viver um grande amor.

Em um amor impossível cabem todos os sonhos, todas as perfeições, o mínimo detalhe é idealizado, e pensa-se que aquela pessoa é exatamente o que se esperou por toda vida, mesmo se tudo parece contra. É o amor que fica para sempre, mesmo se outros amores vêm e vão... e deixa aquela sensação de inacabado que persegue para sempre.

É o quebra-cabeças da vida faltando uma peça para completar o todo. E mesmo que se tenha todas as outras peças. aquela é a que falta; aquela que deixa uma pequena e estranha dor que não é definida, mas que se sente de forma tão nítida e clara.

E se o amor impossível se torna possível, isso quase sempre rouba a magia do sentimento. Inconscientemente todos sabem disso. O que leva a preferir um impossível é não ter que abrir os olhos e enxergar a realidade, porque uma vez que o amor torna-se possível, acaba a expectativa, acaba o sonho... e o ser humano é feito para ter sonhos e para esperar por eles. Isso explica porque tantos amores nunca são revelados, nunca declarados, e os amores virtuais que vivem apenas na mente.

Um amor impossível pode marcar mais que toda vida vivida ao lado de outra. E no outono da vida, quando o passado se faz mais presente, é aquele amor que vai fazer brilhar os olhos e lembrar ao coração que ele ainda bate. O impossível é belo como o arco-íris, o horizonte, o céu, o infinito; que mantém acesa a chama no coração e faz sentir que ainda vive...



FAÇA ACONTECER



Faça acontecer. O importante é o primeiro passo...
Mensagem em vídeo

Faça acontecer. Visualize com detalhes, como se tudo já estivesse realizado. Essa imagem cristalina irá te orientar no que deve ser feito e como começar. Dê o 1° passo e confie nos lampejos que tem; sua confiança interior e a natureza fará acontecer.

Entregue-se de corpo e alma, dê espaço e a natureza fará a parte dela. Tenha prazer no que faz e seja otimista nos resultados. Não se deixe influenciar pelos cínicos e pelos pessimistas, concentre-se e ancore-se nos seus pontos fortes e no que tem de melhor.

Não desperdice energia, decole e vá se aperfeiçoando em pleno voo. Foque sua energia na busca de soluções, esqueça os problemas. Crie condições favoráveis, enfraquecer as barreiras é melhor do que usar a força. Seja natural, não seja derrotado pelo excesso de esforço.

Faça o que tem que ser feito e mantenha a tranquilidade interior. Pense nas recompensas e não se imobilize pelos riscos, neutralize os palpiteiros inconsequentes e não se influencie pelos comentários.

Não faça especulações negativas, comece a caminhar. Seja transparente, não gaste energia com falsidades. Ser transparente multiplica a energia, energia que faz acontecer. A generosidade move montanhas, aja pensando em benefício de todos.

Busque excelência sempre. Você pode não ser perfeito, mas pode chegar próximo da perfeição. Chute a acomodação, afaste o imobilismo, não espere melhores condições, comece a caminhar. Afaste os obstáculos e o que distrai, a estrada é longa e é preciso coragem.

Faça e melhore seu próprio recorde, a primeira etapa é vencer a si mesmo. É esquecer os fracassos passados; é dar-se uma nova oportunidade para recomeçar. Fazer acontecer é tarefa longa, mas você nunca verá isso, se não começar já!...
Related Posts with Thumbnails

Quem sou

Nascida em Belo Horizonte, apaixonada pela vida urbana, sou fascinada pelo meu tempo e pelo passado histórico, dois contrastes que exploro para entender o futuro. Tranquila com a vida e insatisfeita com as convenções, procuro conhecer gente e culturas, para trazer de uma viagem, além de fotos e recordações, o que aprendo durante a caminhada. E o que mais engradece um caminhante é saber que ao compartilhar seu conhecimento, possa tornar o mundo melhor.

Seguidores

Minha lista de blogs

Postagens populares